Tabela FIPE de caminhão: entenda como ela funciona

6 minutos para ler

Na hora de comprar ou vender um veículo novo ou usado, seja diretamente ou por meio de consórcio para caminhões, é importante contar com parâmetros para entender os valores que estão sendo utilizados no mercado e, assim, conseguir estabelecer um bom preço para os seus futuros clientes ou evitar pagar muito caro em um caminhão sem a devida necessidade.

Neste texto explicaremos o conceito da tabela FIPE de caminhão, comentando sobre esse material, sobre qual é a instituição por trás dela, quais os seus benefícios para o caminhão e como ela funciona no dia a dia. Dessa maneira, você conseguirá utilizar essa ferramenta tão importante para a compra e venda de veículos.

O que é a Tabela FIPE de Caminhão

FIPE é a sigla para Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas. Seu ano de criação foi em 1973, sendo uma entidade que não busca fins lucrativos. A FIPE acabou se tornando um dos pontos mais importantes do Departamento de Economia dentro da Universidade de São Paulo. A tabela foi criada pela instituição para ser um indicador econômico.

De maneira prática, a FIPE funciona como um indicador da média de valor dos veículos, servindo para tornar mais justas as negociações e avaliações relacionadas à compra e venda. Ela, inclusive, é um dos parâmetros para a estruturação da base do IPVA, além da alienação de carros, motos, caminhões, dentre outros.

A proteção veicular também é influenciada pela FIPE, dessa forma, cada tipo de veículo contará com um valor de proteção diferenciado, conforme a sua valorização ou desvalorização no mercado. É muito importante conhecer e entender esse documento para a escolha do seu futuro veículo.

Os valores são encontrados por meio de uma pesquisa da média de preço do veículo no país, investigando todos os preços, bem como atribuindo e fazendo uma média de todos esses valores encontrados. É importante saber que valores muito baixos ou muito altos são desconsiderados, já que eles podem alterar a média padrão de preços.

Conheça mais sobre a instituição por trás desse material

Como explicamos no tópico anterior, a Fipe é uma fundação cuja criação ocorreu no ano de 1973, com direito privado e sem buscar fins lucrativos. A instituição analisa fenômenos econômicos e sociais, contribuindo para o debate sobre problemas relacionados a essas áreas no país, ajuda a desenhar contratos públicos e privados mais eficientes, dentre outras funções.

Para conseguir realizar essas atividades, a Fipe conta com pessoal profissional especializado, tendo ampla experiência nas áreas de ensino, bem como participado de projetos e pesquisas. Além disso, as estruturas da fundação também contam com aparato dedicado a essas pesquisas, garantindo o máximo de confiabilidade e experiência.

Assim, ela consegue ajudar instituições publicas e privadas a elaborar, gerir e avaliar sistemas de desenvolvimento social e econômico, promover seminários, cursos e simpósios que estimulem o debate e ensinem sobre teoria econômica, o que auxilia profissionais liberais e empresas a terem uma melhor noção de como lidar com o seu próprio dinheiro.

Acessando o site da Fipe é possível conferir diversas informações sobre a fundação, como todo os projetos desenvolvidos por ela, todos os índices e indicadores feitos e atualizados. Além disso, também é possível saber mais sobre os cursos disponibilizados, como os de MBA, curta duração, capacitação, dentre outros.

Os benefícios da tabela FIPE

A FIPE pode oferecer diversos benefícios para os vendedores e compradores de veículos. Um deles é que é possível se basear em um preço para adquirir um caminhão. Dessa forma, você não precisará pagar muito caro, já que existirão modelos bem abaixo do que está sendo pedido por um vendedor, caso ele não esteja se baseando na tabela.

Além disso, para quem está vendendo um veículo, a tabela serve como uma base para estipular seu preço. Ela evitará que seja atribuído um preço muito alto ao seu caminhão, fazendo com que menos pessoas fiquem interessadas, ao mesmo tempo que, ao estipular um preço muito abaixo do mercado, terá prejuízo na sua venda.

Dessa maneira, as vendas ocorrem de maneira muito mais rápida, já que o caminhão poderá ser comercializado com um bom valor, fazendo com que várias pessoas se interessem pelo seu veículo, levando outros aspectos em conta na hora de fechar negócio, porém, tendo o preço como um fator atrativo.

Outra vantagem de seguir a FIPE é que ele permite que seu anúncio fique melhor posicionado. Dessa maneira, o seu caminhão terá um maior destaque frente a outros veículos que estão a venda, fazendo com que, no meio online e offline, ele tenha uma maior chance de atrair mais compradores, e consequentemente, você realizará uma venda mais rápida.

Como funciona esse documento e para que ele serve no dia a dia

Até agora você conheceu diversas informações sobre a FIPE, mas como os cálculos são realmente feitos? Como explicamos, é realizada uma pesquisa em âmbito nacional para conhecer os preços estipulados dos veículos anualmente. É tirada uma média desses valores, excluindo os muito baixos ou muito altos para que o resultado seja mais confiável.

A FIPE trabalha com apenas um parâmetro para a elaboração das médias. Assim, é possível encontrar diferenças de preço com relação à região em que o veículo está sendo comercializado. Além disso, o estado de conservação do bem, acessórios e até mesmo a cor do caminhão pode ter influência no seu valor final. Por isso, é importante que você tenha esses fatores em mente para responder a pergunta “como escolher um modelo para minha frota?

É importante que quem esteja em busca de um veículo para comprar também leve em consideração outros fatores na hora de adquirir o seu caminhão, não apenas a FIPE. Dessa maneira, será possível realizar uma compra muito mais inteligente e alinhada com os seus objetivos com relação à utilidade do bem.

Outra informação importante sobre a FIPE é que seus valores são atualizados a cada 30 dias. Logo, todos os meses é importante reavaliar o valor que está sendo oferecido no seu caminhão, ao mesmo tempo que os compradores precisam fazer uma nova pesquisa para encontrar o melhor custo do mercado naquele momento.

Entendendo qual o conceito da tabela FIPE de caminhão e como ela pode auxiliar vendedores e compradores na escolha de um veículo, é possível criar um ambiente econômico muito mais justo e eficiente para todos os lados, conseguindo assim que todos os envolvidos nessa comercialização fiquem satisfeitos.

Você tem consultado a FIPE para vender ou comprar caminhões? Deixe sua resposta nos comentários!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-
Sair da versão mobile