O caminhão é a principal ferramenta de trabalho de um caminhoneiro. Mas, para que o seu veículo esteja sempre pronto para as viagens é preciso tomar certos cuidados, dentre eles podemos destacar a necessidade de se utilizar apenas peças originais.

Não importa se você é autônomo ou contratado, é certo que ter um veículo em boas condições é imprescindível para que as suas viagens sejam seguras e sempre produtivas.

No entanto, sempre que falamos sobre manutenção e reposição de peças, surgem algumas dúvidas sobre o assunto — o que é natural. Mas, afinal, você sabe por que deve utilizar apenas peças originais em seu caminhão?

Pensando em ajudá-lo a entender melhor os riscos e danos que peças paralelas podem causar, preparamos este post. Ficou curioso e quer aprender um pouco mais? Continue com a leitura!

Entenda o que são peças originais

Vamos iniciar esse post entendendo melhor o que é uma peça original. Isso porque, apesar de ser algo simples, é sempre bom relembrar.

Assim sendo, as peças originais, também conhecidas como peças genuínas, são aquelas auditadas pela empresa montadora dos veículos, passando por um processo muito mais rigoroso de qualidade.

Uma peça original é desenvolvida e produzida pelo mesmo fabricante do caminhão e, por isso, tem todos os requisitos e características para se adaptar perfeitamente ao veículo, além de ter a sua durabilidade assegurada.

Essas peças são as mesmas utilizadas na montagem de veículos 0 km e passam pelos mesmos testes de qualidade. Isto é, são feitas com o mesmo material e mesmos processos de fabricação das peças usadas na montagem de caminhões novos.

A fábrica garante que as peças genuínas vão satisfazer às necessidades específicas do seu caminhão no que se refere a dimensões, material, durabilidade e harmonia.

Elas também trazem tranquilidade e segurança ao motorista, por saber que está comprando um produto especificamente projetado e recomendado para o seu caminhão.

Importante ressaltar que uma peça original é encontrada apenas nas concessionárias autorizadas e, por isso, é preciso bastante cuidado ao procurar um ponto de venda confiável.

As manutenções e as peças genuínas

Ficar com um caminhão parado é um grande prejuízo, não é mesmo? É por isso que as manutenções, especialmente as preventivas são essenciais para a continuidade de seu trabalho.

Como você sabe, um veículo inoperante para realização de manutenção corretiva faz com que o caminhoneiro ou frotista deixe de ganhar dinheiro com os fretes e pode gerar um custo inesperado com mão de obra e compra de peças.

Assim, para que o seu caminhão fique parado o menor tempo possível, é preciso investir em manutenções preventivas, pois isso reduz as chances de imprevistos.

Para que você compreenda melhor os seus benefícios, estima-se que a manutenção preventiva diminua até 80% das paradas não planejadas. Além disso, a manutenção corretiva chega a custar 30% a mais do que as preventivas.

De modo geral, cada montadora estipula em qual quilometragem e/ou tempo deve ser feita a revisão e manutenção do veículo e é preciso lembrar que esse não é um número aleatório, pois é calculado com o intuito de prolongar a vida útil das peças utilizadas.

Afinal, se alguma peça quebrar durante uma viagem e o caminhoneiro for pego de surpresa, a chance de atrasar alguma entrega é grande, podendo trazer problemas maiores como danos à carga ou roubos.

Nesse sentido, para que as peças de seu caminhão não se desgastem precocemente, é importante utilizar apenas peças originais.

Apesar da crença de que se economiza com a compra de uma peça paralela e de serviços em oficinas não autorizadas, a verdade é que o seu veículo pode ser o maior prejudicado. Isso porque, a longo prazo, o custo acaba sendo maior.

As vantagens de se utilizar peças genuínas

Então, agora que você já conhece as características de uma peça original, é hora de entender melhor as vantagens de comprar e utilizar apenas peças e acessórios genuínos em seu caminhão.

Para convencê-lo disso, trouxemos uma lista com as suas principais vantagens. Como você verá, existem muitos motivos para não comprar peças não originais. Acompanhe!

Maior durabilidade

Quem já comprou uma peça paralela sabe que, aparentemente, ela é idêntica a uma original. No entanto, isso é apenas uma falsa impressão!

Via de regra, peças falsificadas não possuem a mesma durabilidade do que uma genuína e, por isso, “o barato acaba saindo caro”! Afinal, é muito improvável que as fábricas de peças paralelas consigam utilizar materiais idênticos e que passaram pelos mesmos procedimentos de qualidade e segurança que os originais.

Aliás, você já parou para pensar o porquê delas serem mais baratas? A razão para o baixo custo está exatamente no baixo investimento em controle de qualidade e desenvolvimento de materiais e tecnologias modernas.

As peças originais apresentam material de maior qualidade e, por isso, a vida útil delas é maior. Isso significa que você precisará trocá-las menos vezes do que as paralelas.

Geram economia a longo prazo

Se você apenas pensasse no valor de compra de uma peça paralela, até poderia se enganar acreditando que está fazendo uma grande economia. Mas é nesse exato instante que você perde dinheiro!

Quando se compra um item mais barato, mas que não dura por muito tempo, naturalmente, será necessário trocá-lo em um tempo menor e isso gera mais gastos a médio e longo prazo.

Ademais, é preciso lembrar que além do custo da substituição da peça quebrada, você gastará mais com a mão de obra do mecânico e, claro, terá prejuízos com a perda de fretes durante todo o tempo que o caminhão ficar parado na oficina.

Sem se esquecer que, se a parada indesejada ocorrer durante um frete, podemos enfrentar problemas relacionados à carga. Por isso, caso esteja transportando produtos perecíveis, eles podem até estragar durante o conserto ou no atraso da mercadoria, gerando perdas incalculáveis.

Possuem um desempenho superior às paralelas

De modo geral, somente as peças originais terão o tamanho e as características exatas, já que as paralelas são feitas a partir da cópia das originais, estando sujeitas a pequenos erros.

Por isso, é possível concluir que apenas itens originais se encaixarão e trabalharão em conformidade com o conjunto, possibilitando que o desempenho seja o melhor possível.

Lembrando que os pequenos erros e defeitos de produtos paralelos podem trazer maior desgaste ao veículo, o que, além da necessidade de trocá-la em menos tempo, provocam o mau funcionamento de outras partes, danificando-as e, em alguns casos, até provocando um maior consumo de combustível.

Possuem garantia do fabricante

Você já deve ter percebido que a garantia de uma peça original é bem superior à de uma peça paralela, sendo que há casos em que estas nem possuem garantia.

Isso acontece porque as peças originais são testadas rigorosamente para conseguir suportar todas as condições previstas pelo fabricante do caminhão, o que nem sempre acontece com as paralelas.

Asseguram a manutenção da garantia do veículo

É comum que os fabricantes de veículos ofereçam alguns anos de garantia. Entretanto, para manter a cobertura dessa garantia o proprietário precisa cumprir com algumas condições.

A primeira regra a ser seguida é a submissão dos veículos às revisões nos períodos indicados e, claro, nas concessionárias autorizadas. A segunda condição é a utilização somente de peças originais, já que elas garantem o funcionamento adequado dos equipamentos de acordo com o projeto de engenharia.

Desse modo, caso o seu caminhão apresente algum defeito, para conseguir o conserto pela garantia, ele passará por uma inspeção para saber qual a causa do problema. Se for constatado que utilizou alguma peça paralela, você perderá a garantia de fábrica do veículo.

Portanto, é extremamente importante não instalar peças falsificadas em seu caminhão. Lembre-se de que o prejuízo pode ser muito superior à diferença de preços entre os itens.

Segue padrões de qualidade

Outro ponto que merece destaque é que as peças genuínas são fabricadas com maior tecnologia e padrões de qualidade assegurados pelo projeto de engenharia da montadora.

De modo geral, isso assegura que você compre sempre um produto com a melhor relação custo-benefício e, assim, consiga conservar o seu veículo por muito mais tempo e com o mesmo padrão e qualidade de um caminhão novo.

Dão mais segurança ao veículo e ao motorista

Existem situações que ocorrem diariamente nas estradas que colocam em risco a integridade dos veículos e caminhoneiros. Dentre elas, podemos destacar as paradas indesejadas causadas por falhas em peças não genuínas.

Ressalta-se que esse tipo de problema pode ser um fator desencadeador de sérios acidentes de trânsito, colocando todos que transitam pelo local em risco.

Por exemplo, se a mangueira do sistema de freios não suportar a pressão do ar e estourar perde-se a eficácia dos freios e o controle do caminhão, ocasionando alguma batida, atropelando algum pedestre e, até mesmo, a morte de pessoas.

Os maiores riscos de se utilizar peças paralelas em seu caminhão

Até aqui você pode entender melhor as vantagens de se utilizar peças originais em seu caminhão, mas é interessante reforçarmos os riscos reais a que você e o seu veículo podem estar expostos, caso insista nesse erro.

Sendo assim, continue atento à leitura e entenda, de uma vez por todas, as razões para não cair nessa armadilha!

Aumento do consumo de combustível

Um dos custos que mais encarecem o frete e, portanto, prejudicam a competitividade de um motorista e o seu caminhão é o alto consumo de combustível.

Nesse cenário, é fundamental se atentar ao fato que o uso de itens não originais pode causar o aumento do consumo de seu caminhão. Como essas peças não são desenvolvidas e fabricadas com a mesma tecnologia que as genuínas, uma consequência natural é que elas desregulem os níveis de consumo.

Danos à credibilidade da empresa e do motorista autônomo

Independentemente de você ser um motorista autônomo ou um frotista, é fato que um dos pontos que mais interferem em sua reputação no mercado é o compromisso em cumprir com as entregas no prazo acordado.

Desse modo, é preciso tomar cuidado ao instalar peças paralelas em seu caminhão. Como você viu, o seu caminhão pode enfrentar problemas mais rapidamente e isso, certamente, afetará a agilidade e a qualidade do frete.

Portanto, é sempre bom avaliar se vale a pena correr esse risco. Afinal, a perda de credibilidade pode afetar os seus rendimentos e gerar inúmeros prejuízos financeiros.

Aumento dos custos com manutenção

Conforme dito, peças paralelas quebram com mais frequência do que um produto original. Isso quer dizer que você acabará tendo que realizar mais manutenções em seu veículo.

Ora, mais manutenções significam mais gastos. Ademais, quanto maiores são os seus custos operacionais, mais caro você precisará cobrar pelo transporte de cargas e, dessa forma, você estará em desvantagem no mercado.

Falta de suporte de profissionais qualificados

Quando você compra uma peça original, automaticamente está adquirindo um produto que possui todo o suporte de um fabricante. Isso quer dizer que será atendido por profissionais sempre que surgir algum problema ou dúvida.

Por outro lado, uma peça falsificada não possui esse suporte adequado, deixando o caminhoneiro perdido e sem auxílio. Por isso, é preciso avaliar que não receber ajuda pode causar muito estresse e prejuízos.

Ademais, o custo de uma peça original não é excessivamente alto quando comparado a uma paralela. Na verdade, as montadoras estão sempre trabalhando para entregar o melhor produto a um preço acessível e competitivo aos seus consumidores.

Após todas essas informações, você ainda vai considerar utilizar peças paralelas em vez das peças originais? Ao longo do post de hoje você pode perceber que o uso de peças genuínas é a decisão mais acertada que se pode tomar. Conforme visto, em curto prazo, o uso de peças paralelas é atrativo, mas em longo prazo elas podem se tornar mais caras e influenciar no desempenho do conjunto.

Portanto, agora que você já sabe as razões para investir sempre em peças de qualidade e projetadas especialmente para o seu veículo, não caia na armadilha de adquirir produtos falsificados. Lembre-se de que o seu caminhão é sua ferramenta de trabalho e merece ter esse cuidado.

Gostou do post de hoje? Quer aprender um pouco mais? Então baixe agora gratuitamente o nosso Guia: como prolongar a vida útil de seu caminhão!