Pensando em expandir sua frota, mas não sabe quanto custa um caminhão e nem como escolher o melhor modelo para você? Fique tranquilo! Essa é uma dúvida comum e o post de hoje o ajudará com essa missão.

Um bom caminhoneiro está sempre preocupado em fazer bons negócios e possuir veículos que tenham qualidade, conforto e não gere custos excessivos com manutenção. Por isso, a decisão de adquirir um novo caminhão nem sempre é tão simples.

Com tantas opções no mercado, é preciso saber analisar inúmeros aspectos e comparar não apenas valores, como todo o conjunto. Afinal, essa é uma compra importante e está relacionada à forma com que você se sustenta.

Pensando nessa dúvida comum, preparamos este material que está completo e repleto de informações e dicas para que você aprenda a escolher o melhor caminhão e, também, avalie a questão dos valores cobrados.

Ficou curioso e quer aprender? Continue com a leitura!

Quanto custa um caminhão?

Para iniciar o post e acabar com qualquer dúvida sobre o assunto, falaremos sobre o preço de um caminhão. Afinal, essa costuma ser uma das maiores preocupações de um caminhoneiro que deseja adquirir uma frota própria.

Como você sabe, o investimento em um veículo de carga costuma ser alto e, portanto, é preciso estar seguro no momento da compra e ter a certeza de que se está fazendo um bom negócio.

Mas, a primeira noção que você precisa ter em mente é que o valor de um caminhão é algo extremamente variável. Isso acontece porque existem inúmeros modelos, tipos, tecnologias e funções e tudo isso interfere no valor final do produto.

Portanto, é importante que você avalie suas necessidades e escolha um caminhão que atenda suas demandas.

Caminhão novo ou seminovo: qual a melhor opção?

Outra dúvida recorrente entre os caminhoneiros que decidem adquirir seu veículo é a opção por um caminhão zero km ou um modelo seminovo. Se você também está passando por esse dilema, lembre-se de que não existe uma resposta pronta e há alguns detalhes a serem analisados.

Assim como na escolha do modelo do veículo, a opção entre um novo ou seminovo deve ser pautada em um estudo de algumas premissas:

Estude o valor do investimento

Veículos seminovos possuem um valor de investimento menor. Portanto, a sua decisão deve levar em consideração suas condições financeiras para financiar e até mesmo o valor de entrada disponível.

Lembre-se de que os valores das parcelas devem caber no seu bolso e não podem prejudicar suas finanças e atrapalhar a realização das viagens.

Além disso, não se prenda apenas ao valor do bem, observe o tipo de vantagem que uma possível economia pode trazer. Você deve ter o foco em encontrar um caminhão que aumente sua produtividade e que não traga dores de cabeça e mais custos.

Fique atento aos incentivos governamentais

Você sabia que na compra de um caminhão novo, pode receber alguns benefícios do governo? O Programa de Sustentação do Investimento (PSI), do BNDES, pratica taxas de juros mais interessantes para quem escolhe essa opção, o que pode tornar tal compra mais vantajosa. Além disso, há a possibilidade de você ser beneficiado com a redução do IPI.

Confira a quilometragem do caminhão seminovo

Quando compramos um veículo novo não nos preocupamos com certos detalhes. Entretanto, se você está pensando em adquirir um caminhão seminovo deve tomar muito cuidado e conferir a quilometragem já rodada pelo veículo.

Em veículos de carga esse é um cuidado imprescindível, já que caminhões mais rodados tendem a ter um custo com manutenção mais elevado e, em alguns casos, perdem sua eficiência.

Conheça o nível de desvalorização do veículo

Como você sabe, veículos novos sofrem uma desvalorização inicial maior que tende a se estabilizar com o tempo. Esse dado é muito importante no momento de escolher entre um caminhão zero km e um seminovo, pois pode livrá-lo de prejuízos.

Se a sua intenção é trocar de veículo em pouco tempo, talvez escolher um modelo seminovo seja mais interessante. Em outras palavras, caso opte por um veículo novo perderá uma considerável quantia de dinheiro na troca.

Como acertar na hora de comprar seu caminhão?

Agora que você já sabe um pouco sobre os preços de um caminhão, vamos ajudá-lo a fechar um bom negócio e concluir sua compra com sucesso.

É sempre bom lembrar que o caminhão é a ferramenta de trabalho de um motorista profissional e isso exige que ele seja ainda mais criterioso e cuidadoso durante o processo de compra. Afinal, um passo errado pode afetar seus lucros e, consequentemente, sua qualidade de vida.

Exatamente por isso, reunimos algumas dicas valiosas para que você não cometa erros e compre o caminhão ideal sem correr riscos. Acompanhe!

Planeje-se financeiramente

Você está prestes a adquirir um bem de alto valor e essa compra precisa ser bem planejada. A maioria dos caminhoneiros realiza financiamento e a falta de planejamento pode colocá-lo em uma difícil situação.

Avalie o seu orçamento, suas reservas financeiras e sua projeção de ganhos e só tome uma decisão quando estiver certo de que poderá honrar a dívida. Lembre-se de que no caso de financiamento, o próprio caminhão é dado em garantia pelo pagamento e, caso você não cumpra o contrato, poderá ter o bem apreendido.

Nesse sentido, cuide para que a compra não comprometa sua qualidade de vida e de sua família, procurando por um modelo adequado e por parcelas que cabem no seu bolso.

Anote todos os gastos e desdobramentos dessa compra

A compra de um caminhão é uma decisão que gera inúmeros outros gastos e ignorar esses detalhes pode representar um risco a sua saúde financeira. Assim sendo, antes de passar para a próxima etapa, anote todos os possíveis gastos que isso acarretará, como:

  • emplacamento;

  • licenciamento anual;

  • IPVA;

  • seguro DPVAT;

  • seguros contra roubo, colisões e demais sinistros;

  • manutenções preventivas;

  • revisões periódicas;

  • multas de trânsito.

Com todos esses dados em mãos, será possível fazer uma escolha inteligente e segura. Nunca se esqueça que o sucesso na sua profissão também depende da maneira com que você administra seus recursos e toma suas decisões.

Pesquise bastante

Essa dica se aplica a qualquer compra que se pretenda fazer e, obviamente, a aquisição de um caminhão, por ser um bem de alto valor, deve ser antecedida de muita pesquisa de mercado.

Conforme dito, você deverá estudar e entender suas necessidades e, a partir disso, definir o tipo de caminhão que precisa. Em seguida, deve iniciar uma ampla pesquisa e ficar atento a todos os detalhes que possam influenciar sua escolha.

Não se sinta atraído apenas pelos valores. É preciso ser mais estrategista e observar os diferenciais que cada empresa oferece. Ou seja, tome cuidado para que “o barato não saia caro” no futuro.

Faça negócio com lojas especializadas

Optar por uma loja especializada é uma premissa para que sua compra seja concretizada com sucesso e você não enfrente problemas com o pós-venda.

Especialmente no caso de veículos seminovos esse cuidado é imprescindível, já que você pode acabar caindo em alguma armadilha e adquirindo um veículo em condições inadequadas ou em desacordo com o divulgado.

Infelizmente, existem inúmeras concessionárias clandestinas no país, que operam sem qualquer regulamentação e acabam prejudicando seus consumidores, já que nem sempre a relação consegue ser abrangida pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC).

Bons revendedores de seminovos têm o hábito de realizar revisões nesses veículos e só colocar à venda aqueles que estão em perfeito estado de funcionamento. Por isso, antes de fechar negócio, verifique a procedência e credibilidade da loja em que está realizando a compra.

Verifique a documentação do veículo

Esse cuidado tem relação com o anterior, já que lojas especializadas costumam manter toda a documentação dos caminhões regulares. Afinal, não há nada pior do que adquirir um veículo cheio de multas e impostos a pagar.

Portanto, caso pense em adquirir um seminovo, fique atento a essa questão e não se esqueça de providenciar a transferência do veículo em até 30 dias. Lembrando que o procedimento é simples e pode ser realizado por você mesmo, mas, caso se sinta inseguro, é possível contar com o auxílio de um despachante.

Ademais, verifique se o caminhão comprado está apto a transportar o tipo de produto que você necessita. Algumas cargas, como produtos perigosos, perecíveis e cargas vivas exigem documentação específica e nem todos os caminhões podem cumprir com tais exigências.

Analise as condições gerais do caminhão seminovo

Essa é mais uma dica direcionada à compra de caminhões seminovos e diz respeito à análise das condições em que o veículo se encontra, isto é, como está sua lataria e demais componentes.

Procure fazer uma inspeção visual — de preferência durante o dia — e observe se existem amassados, componentes quebrados, arranhados, manchas e ferrugem na pintura. Esses detalhes podem ser vistos a olho nu e dará uma noção do tipo de cuidado que esse veículo recebia.

Além disso, é indicado fazer um teste com o caminhão carregado — o caminhão vazio funciona diferente de quando está carregado — observando como o motor, a embreagem e os freios se comportam em subidas e descidas, atentando ao barulho feito e ao tempo necessário para que ele se aqueça.

Não se esqueça de conferir se os faróis estão funcionando e se a vedação das portas é adequada. Além disso, observe a suspensão e os amortecedores, pois são os componentes que mais se desgastam com o tempo.

Escolha a melhor forma de pagamento

Nossa última dica é, também, uma das mais importantes. Independentemente de comprar um caminhão zero km ou um seminovo, é preciso conhecer e analisar as diferentes opções de pagamento a sua disposição. Veja as principais características de cada uma delas:

Consórcio

O consórcio é uma modalidade indicada para quem não possui urgência na aquisição e quer fugir das taxas de juros de um financiamento convencional. Podemos citar algumas características interessantes, a saber:

  • valor pode ser parcelado em até 100 parcelas;

  • é uma espécie de poupança;

  • as taxas de administração (e não os juros) são diluídas nas parcelas;

Mesmo sendo considerada uma boa opção, é preciso tomar certos cuidados. Há casos em que a taxa de administração pode chegar a 25% do valor do caminhão, além de incidirem outras cobranças pela administradora. Por isso, não se descuide e pesquise bastante!

Leasing

O Leasing, também conhecido como arrendamento mercantil, é uma modalidade de financiamento que funciona como um aluguel com direito à compra do veículo ao final do contrato. Ou seja, o caminhão ficará no nome do banco até que você quite e o transfira para seu nome.

É interessante que você estude bem essa opção, já que apesar de possuir taxas de juros mais interessantes do que o CDC, ela possui algumas desvantagens, como:

  • impossibilidade de adiantar parcelas e abater juros;

  • cobrança de taxa de abertura de crédito;

CDC (Crédito Direto ao Consumidor)

O CDC é o modelo de financiamento mais utilizado no país, sendo que o veículo ficará em nome do comprador, mas será dado como garantia da dívida. Isso significa que, caso você não quite as parcelas, poderá perdê-lo para a instituição financeira.

As taxas nesse caso são um pouco maiores do que as do leasing — já que o risco para o banco é maior — e o comprador precisa dar alguma quantia de entrada. Além disso, em caso de antecipação de parcelas, os juros são abatidos e o valor final pago pode ser inferior ao acordado no contrato.

Conseguiu acompanhar todas as informações trazidas no post de hoje? Aqui você aprendeu quanto custa um caminhão e teve acesso à dicas importantes para realizar uma compra segura e planejada, capaz de melhorar seus rendimentos e ajudá-lo a se tornar um profissional de sucesso. Portanto, não deixe de colocar em prática tudo o que aprendeu!

Quer conversar mais a respeito e adquirir o caminhão dos seus sonhos? Entre em contato com a nossa equipe! Estamos prontos para atendê-lo!