A segurança é um ponto fundamental para qualquer caminhoneiro, não é mesmo? Por isso, a Scania desenvolveu o Freio Retarder, uma tecnologia inovadora e que traz benefícios que vão muito além de uma frenagem eficiente.

O produto possui características interessantes e todo motorista profissional deve conhecê-lo melhor. Diante disso, trouxemos para o blog um conteúdo inteiramente dedicado a esse recurso Scania.

Quer se informar melhor, entender como ele funciona na prática e como pode contribuir para o desempenho de suas viagens? Continue com a leitura!

Como funciona essa tecnologia Scania?

O Freio Retarder é fruto de muitas pesquisas e testes. Trata-se de um freio hidráulico que fica acoplado à saída da caixa de câmbio e permite uma frenagem mais rápida, segura e eficiente.

Mas como ele funciona na prática? Quando o motorista aciona esse freio no painel, o sistema hidráulico começa a controlar o fluxo de óleo entre os rotores e estatores do retarder. Naturalmente, as rotações vão sendo reduzidas e o veículo começa a parar. O sistema eletrônico aumenta o fluxo de óleo dentro do retarder criando um cálcio hidráulico controlado, proporcionando a redução de velocidade da caixa de mudanças e consequentemente de todo o trem de força.

No entanto, para que o Retarder seja mais eficiente, é importante que o veículo esteja em uma alta rotação, ou seja, acima da rotação econômica — para os veículos Scania, essa “faixa de potência” está entre 1.800 e 2.000 RPM.

Outro ponto que merece destaque é que ele pode ser acionado em cinco níveis manualmente, por meio de uma alavanca no painel, ou até pelo piloto automático.

Quais os 6 maiores benefícios do Freio Retarder?

Conforme visto, o Freio Retarder tem um mecanismo muito inovador e traz grandes benefícios ao caminhoneiro e ao seu caminhão. Mas você sabe quais são esses benefícios? Continue com a leitura e entenda melhor!

1. Maior segurança

A segurança é essencial para o cotidiano de um caminhoneiro e os caminhões equipados com o Freio Retarder são, sem dúvidas, mais seguros.

Em resumo, como há a redução do uso do freio de serviço, eles ficam sempre na temperatura ideal para uso e, em caso de emergência, estão prontos para serem demandados. Em muitas viagens, os motoristas acabam sobrecarregando os freios de serviço, superaquecendo o conjunto e vitrificando a lona e o tambor. Assim, quando precisam acionar os freios, eles não conseguem parar o veículo.

Por isso, ter um caminhão com Freio Retarder é investir em segurança. Com ele, seus freios estão sempre prontos para atuar de forma rápida. Além disso, ele se comporta muito bem em situações adversas, tanto em trechos longos como curtos, que, aliás, podem ser muito mais agressivos que um longo, já que os freios tendem a não conseguir trocar calor e esfriar a tempo de serem acionados novamente.

2. Economia de combustível

Em relação à economia de combustível, podemos citar dois aspectos importantes. Primeiro, o Freio Retarder não consome combustível. Segundo, ao promover uma velocidade média maior, o equipamento ajuda a minimizar o gasto do caminhão.

Para ficar mais claro, imagine que você esteja descendo uma serra e no meio dela exista um trecho mais plano levemente inclinado para cima — muito utilizado para frear os veículos. Nesse caso, por estar em uma velocidade média mais alta, seu caminhão não precisará de muito esforço e combustível para vencer essa pequena subida, já que estará “embalado”.

Fique atento! Muitas pessoas acreditam que a alta rotação faz com que o veículo consuma mais combustível. Porém, um veículo de injeção eletrônica consegue identificar que está em alta rotação, porém sem aceleração, ou seja, em um declive. Desse modo, a central eletrônica do motor corta o consumo de combustível. Com isso, podemos afirmar que o consumo é zero!

Além disso, quando você utiliza o Retarder, a velocidade de descida é mais alta, o que faz com que o consumo de combustível nas retomadas seja menor.

3. Menor desgaste das peças

Outra grande vantagem do Retarder é o menor desgaste das peças do caminhão. O mecanismo pode ser acionado em 90% dos casos e isso preserva as lonas e tambores do freio, aumentando em até 5 vezes a vida útil desses componentes.

Desse modo, você terá um caminhão com menor tempo parado para manutenções, o que representa economia, eficiência e aproveitamento de boas oportunidades de negócio.

A função dessa tecnologia é reduzir o estresse no sistema principal de freios. Ao acioná-lo menos, você utilizará menos as pastilhas de freios, discos e lonas, reduzindo o seu nível de aquecimento e a necessidade de trocas e manutenção.

4. Fácil manutenção

Como você sabe, durante as revisões periódicas é feita a troca de óleo e do filtro. Em geral, isso já é considerado a manutenção básica do Retarder, ou seja, basta utilizar o óleo e o filtro corretamente e trocá-los nos períodos estipulados pelo fabricante. Dessa forma o Retarder irá manter o bom funcionamento por um longo período de trabalho.

Mesmo em manutenções corretivas, é preciso enfatizar que os procedimentos são simples. Mas é claro que você deve procurar por uma mão de obra especializada, que tenha conhecimento e experiência para lidar com essa tecnologia, como as concessionárias autorizadas do Grupo WLM.

5. Utilização prática e simples

Conforme mencionamos, o Retarder pode ser acionado em cinco etapas — tanto no manual, quanto no automático.

No caso do automático, a caixa também ficará no modo automático e será possível programar a velocidade de descida, por exemplo para 60 km/h. Assim, o Retarder, o motor e a caixa trabalharão para que a frenagem ocorra mantendo essa velocidade.

No caso do manual, cada posição da alavanca — de 1 a 5 — adiciona 20% de frenagem. Por isso, o motorista pode definir sua condição de trabalho de acordo com o trânsito, assim esta deixa o sistema automático ineficiente. Além disso, essa alavanca fica no painel, junto ao volante, para evitar que o motorista precise retirar as mãos e a atenção do volante.

Aprender operar essa tecnologia é muito simples, mesmo para caminhoneiros mais experientes. Mesmo assim, a Scania oferece um treinamento inteligente, dentro da realidade dos motoristas e com profissionais qualificados e informados sobre o sistema.

6. Melhor aproveitamento das viagens

Por último, é preciso deixar claro que, quando o motorista consegue manter uma velocidade média maior e com um bom nível de segurança, sua produtividade aumenta.

Por meio dessa tecnologia, você consegue fazer viagens mais rápidas e sequenciais, fechando mais contratos. Além disso, aumentará seu tempo de descanso e conseguirá desfrutar de uma melhor qualidade de vida.

No post de hoje, foi possível conhecer um pouco mais sobre o Freio Retarder. Conforme visto, essa é uma tecnologia que realmente funciona e não danifica os demais componentes do caminhão, como o motor e caixa de mudanças. Ao contrário, ele ajuda a conservar seu caminhão e traz todos os benefícios apresentados.

Em resumo, ao utilizar esse recurso, o freio de serviço será utilizado menos vezes. A tecnologia tem um poder de frenagem muito interessante que, além de segurança, permitirá que você desfrute de viagens mais produtivas e prolongue a vida útil do seu veículo.

Achou interessante o Freio Retarder da Scania e quer saber como ter um caminhão com essa tecnologia? Entre em contato conosco agora mesmo!