Saiba tudo sobre o financiamento de caminhão

financiamento de caminhão
7 minutos para ler
Planilha Cálculo de FretePowered by Rock Convert

É comum encontrarmos empresários buscando, cada vez mais, opções para financiamento de caminhão. Segundo uma pesquisa da Brasil, Bolsa, Balcão (B3), o número de veículos pesados financiados no primeiro trimestre de 2019 teve um aumento de 37,7% em comparação com o mesmo período de 2018. Ao todo, já foram negociados mais de 60 mil veículos em todo o Brasil.

Essa forma de pagamento permite um planejamento de médio e longo prazo para a aquisição de caminhões sem que a empresa corra o risco de perder algum contrato importante. Além disso, as diversas opções de financiamento permitem que o cliente possa escolher aquela que melhor atende à sua situação financeira.

Pensando nisso, preparamos esse texto para mostrar quais as opções de financiamento mais praticadas no Brasil e como elas podem se adequar ao seu negócio. Acompanhe!

Saiba o que considerar na hora de fazer o financiamento

compra de um caminhão exige recursos e estudos para evitar erros e possíveis prejuízos. Um dos principais pontos que o gestor deve levar em consideração são os seus contratos vigentes com parceiros, para que consiga identificar qual tipo de caminhão esses acordos exigem. Pontos a serem observados incluem tamanho, nível de resistência e quanto tempo ele ficará operando etc.

Ao fazer essa análise, o gestor consegue identificar quais contratos têm maior valor agregado e calcular o financiamento com menos parcelas para encurtar o tempo, além de reduzir os juros. Outra dica é usar parte do caixa da empresa para dar a melhor entrada para adquirir o bem.

Vale lembrar que, para isso, é importante entender a capacidade da sua empresa de gerar economia. Itens importantes para observar e colocar no papel no momento da compra incluem a capacidade de gerenciamento dos caminhões, documentos, manutenção e como será feito o abatimento das despesas.

Descubra a documentação necessária para o financiamento de caminhão

Se um cliente de pequeno porte pretende adquirir um caminhão, ele precisa apresentar dois documentos: o Imposto de Renda Pessoa Jurídica (IRPJ) e a relação de faturamento dos últimos 12 meses, além das informações como RG e CPF, para que a instituição possa verificar o nome junto ao SPC e Serasa. Após as verificações, o agente faz todo o levantamento e disponibiliza o crédito.

Já quando se trata de um cliente de médio ou grande porte, é necessário entregar todas as informações sobre o patrimônio da empresa. Além do IRPJ, também deve ser apresentado o contrato social da empresa, a relação de clientes e informações sobre frota.

Os documentos relativos à contabilidade também precisam ser mostrados. Tudo isso deve ser apresentado para avaliar se a empresa tem como realizar a compra de mais de um caminhão.

Entenda os diferenciais da Scania no financiamento de caminhões

A Scania oferece, por meio do seu banco próprio, as 4 opções mais comuns de financiamento utilizados no Brasil — sempre com foco em conseguir os melhores planos dentro do orçamento do cliente, fazendo um alinhamento com seu plano de negócio e entendendo suas necessidades.

Crédito Direto ao Consumidor (CDC)

O modelo mais comum é o CDC, uma linha de crédito fácil de ser obtida e que precisa de poucos documentos para aprovação. Essa simplicidade torna o formato um dos mais conhecidos do mercado. O comprador pode sair da loja com o caminhão novo ou seminovo e, caso queira negociá-lo durante o pagamento, o contrato pode ser liquidado a qualquer momento.

O CDC oferecer a possibilidade de antecipar parcelas e liquidar o contrato com taxas de juros mais baixas. O prazo de parcelamento é de, no máximo, 60 meses. É importante considerar e levar em conta as chances de reduzir as prestações para quitar o débito o mais rápido possível, diminuindo os juros pagos ao longo do contrato.

BNDES Finame

O Finame é uma modalidade de linha de crédito oferecida pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Apesar de ser permitido apenas para empresas cadastradas no Financiamento de Máquinas e Equipamento (Finame), ele financia entre 50 e 100% do valor do bem e o período de carência pode chegar a 24 meses.

Apesar das taxas serem atrativas, não é possível antecipar as parcelas. A única possibilidade é quitar o contrato todo. Para obtenção dessa linha de crédito, é preciso apresentar documentos e certidões válidas. Vale mencionar, ainda, que o BNDES oferece um simulador para interessados se prepararem para a nova aquisição.

Leasing Financeiro

O leasing financeiro é a opção utilizada pelo cliente/arrendatário que possuí a intenção de ficar com o veículo ao término do contrato com valores pré-estabelecidos, incluído o que é conhecido como valor residual (VR), ou seja, um montante que deve ser quitado ou inserido nas parcelas para que o usuário tenha a propriedade do veículo ao término do contrato.

O VR é definido no início do contrato de leasing e pode ser diluído nas parcelas ou pago de uma vez no final do aluguel. Caso opte por não ficar com o caminhão no final do acordo, a instituição que fez o arrendamento devolve o residual para o arrendatário e recuperar o dinheiro na venda do veículo.

A diferença do modelo de leasing para os demais é a duração do contrato, que deve ter, no mínimo, 24 meses e não permite liquidação antecipada.

Leasing Operacional

O leasing operacional funciona como uma locação com os mesmos benefícios do financeiro, porém ele não estimula a compra do caminhão após o encerramento do contrato. Nas parcelas, já constam os gastos com o caminhão, manutenção, documentação, licenciamento, emplacamento e seguro.

Ao término do contrato, o arrendatário tem a possibilidade de opção de compra do veículo pelo valor estipulado em contrato ou apenas devolve o veículo para a financeira. Essa modalidade é indicada para empresas com contabilidade em lucro real, visando abater essa contraprestação como despesa, além de obter benefícios fiscais. Por isso, é recomendado que o usuário conheça muito bem suas operações, para que possa fazer contratos fiéis à sua realidade.

Por exemplo, se o empresário fechar uma parceria com duração de 2 ou 3 anos, não é necessário comprar um veículo novo: ele pode fazer um leasing operacional e pagar parcelado. Como o único gasto será com as parcelas do aluguel, ele precisa se preocupar apenas com o seu negócio e a logística do transporte.

É comum vermos empresários recorrendo ao financiamento para aumentar ou melhorar a frota. Na maioria dos casos, não existe um valor ou tempo mínimo, porém os parcelamentos não costumam passar de 60 vezes. A Scania Banco trabalha por meio de um sistema de Credit Scoring, que permite reduzir a resposta de crédito em até 4 horas para o cliente final.

O caminhão deve ser considerado um investimento, afinal, é o principal instrumento de uma transportadora. No entanto, o custo para adquiri-lo é alto e é necessário muito estudo para encontrar o financiamento perfeito para o seu orçamento. Essa decisão não deve ser feita sem a ajuda de uma instituição financeira experiente e bem posicionada no mercado, como a Scania Banco.

Gostou do conteúdo e quer saber mais sobre como a Scania pode ajudar a sua empresa no financiamento de caminhão? Entre em contato conosco e descubra qual o melhor modelo para você!

Controlar os custos das sua frotaPowered by Rock Convert
Você também pode gostar

2 thoughts on “Saiba tudo sobre o financiamento de caminhão

Deixe uma resposta

-