Saiba como optar pela ecocondução ou ecodriving

eco-condução ou ecodriving
6 minutos para ler
Planilha Cálculo de FretePowered by Rock Convert

Você conhece todos os conceitos que englobam uma direção consciente? Conhece a eco-condução ou ecodriving? A indústria automotiva investe cada vez mais em veículos que causam poucos impactos ambientais e oferecem várias características mais sustentáveis. Uma menor emissão de poluentes e um baixo consumo de combustível são alguns exemplos.

Para potencializar tudo que os veículos da sua frota podem oferecer, é preciso praticar também a eco-condução ou ecodriving. Além de ser importante para o meio ambiente, a ecocondução também vai colaborar para otimizar seus custos e o tempo dos motoristas.

Você já sabe em que consiste a ecodriving? Neste post, vamos abordar esse assunto a fundo e oferecer dicas importantes para você adotar várias práticas no dia a dia. Confira.

O que é ecocondução ou ecodriving?

Como o nome já sugere, a ecocondução ou ecodriving é um estilo de direção que preza por hábitos mais ecológicos, além de seguros e eficientes. Utilizando alguns métodos que vamos citar a seguir, é possível tirar um maior proveito dos veículos — por exemplo, diminuir em até 25% o consumo de combustível.

Vamos compartilhar 7 dicas infalíveis para você começar a introduzir a ecodriving na sua empresa, focando a melhor performance de seus motoristas e o melhor aproveitamento dos seus veículos. Acompanhe.

Quais são as melhores dicas para a ecocondução?

1. Verifique a pressão dos pneus

Esse hábito muito importante garante mais segurança e economia para sua frota. Quando a pressão do pneu está errada (cheio ou vazio demais), sua vida útil é reduzida. Quando o pneu é utilizado com pressão abaixo do indicado, por exemplo, acontece um aumento do seu desgaste lateral e também do consumo de combustível. O ideal é que os pneus sejam verificados mensalmente.

2. Conduza com velocidade constante

Dirigir em alta velocidade, além de oferecer perigo para muitas pessoas, aumenta o consumo de combustível do veículo. Acelerações e frenagens bruscas causam desconforto para o próprio motorista e passageiros e um gasto maior para a empresa.

Evite as velocidades excessivas e, sempre que possível, conduza o veículo com o máximo de suavidade. Aproveite as novas tecnologias que os caminhões de hoje oferecem.

3. Use as marchas corretamente

É importante ficar atento ao momento correto de passar as marchas. Em subidas, por exemplo, não espere a rotação do motor cair demais para reduzir a marcha. Programe o momento certo e reduza gradativamente para evitar a perda de velocidade e também um aumento do consumo de combustível.

4. Utilize a técnica Driving Without Brakes

Traduzindo ao pé da letra para o português, essa técnica se chamaria “dirigindo sem os freios”. Mas fique atento! A DWB (Driving Without Brakes) é bem diferente do conceito de “banguela” que alguns motoristas brasileiros ainda têm o hábito de adotar.

A ideia é, sempre que possível, dirigir o caminhão utilizando apenas o freio motor. Na condução de qualquer veículo terrestre, frear repetidas vezes é a ação mais onerosa, economicamente falando. Por isso, a DWB auxilia na economia de combustível.

5. Freie antecipadamente

A frenagem brusca ainda é muito utilizada por vários motoristas. Esse hábito, além de gerar maior desgaste para os freios ao longo do tempo de uso, oferece riscos para motoristas, principalmente nos casos em que o caminhão está carregado e pesado.

Evitar a parada completa é muito mais econômico e seguro; por isso, o motorista precisa estar sempre muito atento ao trânsito. A ideia é frear antecipadamente ou simplesmente ir diminuindo a velocidade em casos de sinais de trânsito ou fluxo mais intenso de carros.

6. Realize sempre a manutenção periódica

Por último, mas não menos importante, precisamos sempre frisar a manutenção periódica da sua frota. Além de garantir a segurança nas estradas, um veículo com manutenção em dia também polui e consome menos.

É importante ficar sempre atento à revisão indicada pelo fabricante para identificar possíveis problemas o quanto antes e evitar, assim, um desgaste na sua frota, além, claro, de uma maior poluição, garantindo segurança e bem-estar para seu motorista.

7. Evite o excesso de carga

Além de ser extremamente perigoso, o excesso de carga também é uma infração de trânsito. Ao carregar o caminhão desrespeitando seus limites, você pode alterar as características aerodinâmicas do veículo, causando um aumento do consumo de combustível.

Com excesso de carga, você sobrecarrega também muitos outros componentes mecânicos do veículo, como freios e suspensões. Além disso, algumas manobras comuns podem se tornar mais difíceis, e o tempo de frenagem diminui, causando, assim, um nível de estresse muito grande ao motorista, ao colocar sua vida e a de outras pessoas em risco.

Como você pôde perceber, inserir a ecocondução ou ecodriving na sua empresa é muito importante para garantir um melhor uso da sua frota, uma maior economia de combustível e menor desgaste de peças.

A preocupação com o meio ambiente é uma pauta recente e que merece atenção. Utilizar as dicas que oferecemos hoje vai colaborar também para motivar motoristas e toda sua equipe a levar em conta questões ambientais importantes para o nosso dia a dia.

Como dissemos no início do texto, a maioria das montadoras hoje já fabrica caminhões com tecnologias voltadas para um consumo consciente e que sejam menos poluentes. O ideal é aproveitar ao máximo o que cada veículo pode oferecer, como conforto, economia e tecnologias para melhorar seu rendimento no dia a dia ao mudar um pouco a forma de dirigir dos motoristas.

Sabemos que essa pode ser uma tarefa um pouco árdua, pois alguns profissionais dirigem da mesma forma há anos e criam alguns hábitos difíceis de desapegar, mas inserir a ecocondução ou ecodriving na sua empresa vai garantir não somente a sua melhora econômica, mas também muito mais segurança para os próprios motoristas nas estradas e cidades.

Promova palestras, colabore com a fiscalização dos veículos e crie um diálogo com seus colaboradores para garantir uma nova consciência sobre o meio ambiente e uma direção mais segura.

E então, gostou das nossas dicas? Conte, no campo de comentários, se você já opta pela ecocondução na sua empresa e como ela acontece no seu dia a dia!

Controlar os custos das sua frotaPowered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-